O mesário da Champions

 

 

 

Marcelo não viajará com a delegação do Real Madrid na terça feira para Londres. Ele foi convocado e terá que ser mesário de uma eleição para a Assembleia da cidade. Nem o enorme prestígio do clube mudou as coisas. A justiça eleitoral deles não abriu mão da presença do jogador. Marcelo só viajará para o jogo contra o Chelsea, semifinal da Champions, na própria quarta feira.

O caso gerou muita repercussão e discussão em toda Espanha. Zidane, obviamente, até por ser estrangeiro, não se intrometeu. Mas não é a primeira vez que temos um astro da bola tendo que cumprir obrigações legais mesmo no meio de competições importantes. Son do Tottenham serviu o exército coreano recentemente. É um tema difícil de se definir. O que você, amigo internauta, opina?