E agora Flamengo?

                                 

 

O Flamengo começou muito mal o Campeonato Brasileiro. Claro que isso se deve a troca de treinador, novas ideias e novo método sendo implantado. Mesmo sendo auxiliar técnico de Guardiola e não o técnico principal. é lógico que Domènec Torrent conhece mais futebol do que praticamente todos os brasileiros. Afinal fez parte do maior grupo de estudo do esporte em todos os tempos.

Mas implementar coisas novas não é fácil. Tirar os jogadores da zona de conforto, que era o esquema já conhecido de Jorge Jesus, também demanda tempo e paciência. Se a diretoria do Flamengo acertou no sistema para contratá-lo, fazendo entrevistas, ouvindo filosofias, é de de imaginar que sabia deste risco momentânea. Então, o que fará?

Não faltarão palpiteiros contestando até a capacidade do novo treinador. Pressões virão de todos os lados. Quero ver como agirá a direção flamenguista. Virará boleira, como a maioria dos gestores, que dão ouvidos a torcedores, conselheiros e imprensa para tomar decisões, ou manterão a convicção inicial? Estou curioso pelos próximos dias.