Bruno procura blog, reafirma voto e diz que acusações são infundadas

O vôlei com conhecimento e independência jornalística.

Bruno Rezende resolveu falar.

Via assessoria de imprensa do clube, o levantador de Taubaté se manifestou.

Eis a nota:

”Reafirmo que meu voto foi nulo. A votação dos atletas do Taubaté foi realizada de forma secreta. Em um pequeno pedaço de papel cada jogador escreveu seu voto, colocando ‘1’ para voto na chapa de situação, ‘2’ para a chapa de oposição, ou ‘N’ para voto nulo. Esses votos foram depositados num saquinho, sem que ninguém soubesse do voto do outro, e posteriormente apurados. Portanto, a votação foi secreta e qualquer comentário me acusando de não ter votado nulo, como eu efetivamente votei, é infundado.”

O jogador da seleção, segundo o blog apurou, votou a favor da situação indo na direção contrária de 95% dos atletas que apoiavam a renovação.

Entenda o caso.

Eleição CBV: saiba como votaram os jogadores dos 24 clubes

Com a repercussão negativa, Bruno, capitão da seleção, foi alvo de críticas de ex-atletas e nas redes sociais.

Após negar voto, bicampeão olímpico chama Bruno de mentiroso em grupo de WhatsApp

9 comentários

    1. Existe uma convicção por trás de cada voto. Acredito que deveria apenas se ter coragem pra revelar isso. Muito não sabem, mas, quem está por trás da Chapa da Oposição é o Ary Graça, que deixou o rombo na CBV e partiu para FIVB.

  1. Vivemos em uma DEMOCRACIA??? Ou não??? Não vejo nenhum tipo de problema em o Bruno Rezende votar em quem ele quiser, afinal não estamos em uma DEMOCRACIA??? Pra que ficar pressionando o cara??? Ele não tem obrigação de seguir o voto de ninguém, pois se tivesse, isso seria uma DITADURA e não uma DEMOCRACIA!!!

    1. Concordo plenamente contigo.. As pessoas gostam de confundir o que é democracia.. Só é democracia para eles, se votarem como eles querem… Você não pode ter direito a sua opinião e seu voto, pois se não for igual ao que eles querem, começam a pressionar e a diminuir as pessoas..

    2. Sim, correto! Além disso, o voto dele e de outros que votaram contra a oposição foi por quem está por trás da Chapa de oposição – Ary Graça, o que deixou um rombo na CBV, sob suspeita de corrupção!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *