Renê pegou o boné

Sergio Barzaghi - Gazeta Press

Vocês acreditam que no futebol brasileiro seja possível algum profissional, que não seja jogador, cumprir um contrato com cinco anos de duração?

Renê Simões assinou um desses com o São Paulo e, com sete meses, por divergências, pegou o boné e se mandou.

Ele administrava as categorias de base do tricolor.

É sabido que existem muitos conflitos de interesses. Muita desonestidade, em grande parte das categorias de base dos clubes brasileiros.

Quantos clubes temos com categorias de base e quantos jogadores com qualidades são revelados?

Como na política partidária, vai chegar um momento que profissionais honestos sentirão vergonha de serem honestos e sérios.

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *